Será que você já foi infectado pelo Covid-19 e não sabe? O Covid-19 é uma doença relativamente nova. Ainda que a situação de pandemia exista há alguns meses, é relativamente pouco tempo para sabermos como lidar com esse novo cenário. Por isso, existem muitas dúvidas sobre o tema.

De fato, com o alto número de pessoas infectadas que são assintomáticas (estima-se que sejam entre 20% e 45%), uma dúvida comum de muitas pessoas que pretendem proteger seus familiares e amigos é: como saber se já fui infectado pelo Covid-19? Vamos auxiliá-lo nisso. Boa leitura.

Quais os principais sintomas do Covid-19?

Antes de qualquer coisa, é importante saber identificar quais são os principais sintomas da doença. Afinal, é por meio disso que podemos suspeitar se você já foi infectado pelo Covid-19. Os principais que ocorrem são:

  • febre;
  • tosse seca;
  • forte cansaço;
  • dores articulares;
  • desconforto;
  • dor no pulmão;
  • dor de garganta;
  • diarreia;
  • conjuntivite;
  • dores de cabeça;
  • perda de paladar e olfato;
  • descoloração dos dados das mãos ou dos pés;
  • dificuldade para respirar;
  • dor ou pressão no peito;
  • perda de fala ou movimento;
  • perda de consciência;
  • confusão mental.

A princípio, os últimos 5 sintomas são os mais graves. Caso você tenha algum deles, deve procurar um hospital para avaliar o seu caso. Caso tenha os relatados anteriormente, a recomendação geral é que você acompanhe a evolução dos sintomas em casa.

Como saber se já foi infectado pelo Covid-19?

Em suma, nem todas as pessoas, atualmente, podem ficar em casa aguardando, sendo necessário tirar a dúvida se já foi infectado pelo Covid-19. É o caso, por exemplo, de quem é responsável por cuidar de pessoas do grupo de risco, ou que precisem continuar suas atividades de trabalho e não possam trabalhar em casa.

Nesse sentido, há diversas situações nas quais é necessário identificar se já ocorreu a infecção. Isso ocorre somente por meio de dois exames: RT-PCR e sorologia. Vejamos as principais diferenças entre eles a seguir.

Sorologia

Ele é feito por meio de coleta de sangue e avalia se há a presença de antígenos no seu corpo que evidenciem que você foi infectado pelo Covid-19. Não necessariamente o seu resultado positivo significa que esteja com o vírus ativo no momento.

O resultado sai em até 2 dias úteis e é realizado por meio de coleta de sangue. Seu índice de confiabilidade é de 95% e analisa os anticorpos totais, diferente do exame que apresentaremos a seguir.

Valor: R$ 149,00.

infectado pelo Covid-19

Teste rápido IGG/IGM

Trata-se do teste que detecta se o paciente já teve contato com o vírus e se desenvolveu anticorpos, por meio de uma análise separada (IGG/IGM). Caso apareça um resultado positivo em um dos exames, os médicos orientam para a realização do RT-PCR para conferência.

Uma de suas principais vantagens é que o resultado sai no mesmo dia, desde que a coleta de sangue seja feita até às 19h. Seu índice de confiabilidade é de 80%.

Valor: R$ 220

RT-PCR

É considerado o padrão ouro para detecção do vírus em atuação no momento. Por meio de coleta por swab (uma espécie de cotonete que coleta o material dentro da mucosa nasal), coleta-se secreção da região e verifica-se se há presença do vírus ativo.

Assim sendo, em caso positivo, significa que você está, no presente momento, infectado pelo Covid-19. O resultado do RT-PCR sai até o dia seguinte da coleta, até o final do dia.

Valor: R$ 350,00

Quando é o momento correto de realizar o exame para Covid-19?

Sobretudo, cada exame tem o momento certo para ser realizado, ou pode levar a possíveis falso negativos. Vejamos a seguir as diferenças de tempo entre eles:

  • sorologia (IgM/IgG): deve ser feito a partir do 10º dia da manifestação dos sintomas ou do contato com a pessoa infectada/
  • RT-PCR: possui maior eficácia quando coletado a partir do 3º dia dos sintomas.

Saber se foi infectado pelo Covid-19 e, também, identificar se está com a doença ativa ou não, é fundamental para que possa tomar as medidas de proteção necessárias de isolamento, atenção aos sintomas e proteger você e outras pessoas. Por isso, esteja atento às diferenças entre os exames e escolha o que for mais adequado para a sua situação.

Tirou suas dúvidas sobre o tema? Então aproveite e entenda como proteger a família contra o Covid-19 neste artigo.

Caso você tenha alguma dúvida sobre qual tipo de exame realizar entre em contato conosco via Whatsapp.